quarta-feira, 11 de julho de 2012

Henrique Oliveira Apresenta Individual na Galeria Millan

Postado por Amanda Vettori em , , | @mundodadinda
Dia 20 de julho, acontece na cidade de São Paulo, a exposição Realidade Líquida, individual de Henrique Oliveira na Galeria Millan.

A exposição realizará uma intervenção arquitetônica no térreo da Galeria e uma escultura inédita no mezanino.

Henrique Oliveira situa seu trabalho entre as categorias de pintura, arquitetura e escultura e afirma tratar-se sempre de “criar tensão no espaço”.

Em sua busca pelos limites do espaço, através de sua exploração, o artista provoca a percepção espacial do público (talvez até mesmo incomodando já que impulsiona todo o corpo do visitante para fora de sua zona de conforto).

Em sua nova exposição realidade Líquida Henrique preenche o espaço expositivo da galeria de vazio. As paredes, o teto e o piso são os mesmos de sempre, porém completamente deformados pela interferência do artista: os planos, amolecidos, convergem para uma perspectiva quase alucinógena.
 

Estudo em 3d da intervenção.
Se, por um lado, não há nada para se ver, a ruptura com a sensação de familiaridade do espaço é um convite a uma mudança na percepção espacial: não há uma obra no sentido canônico do termo, mas há uma forte presença no espaço, como algo que poderia estar por trás das paredes, prestes a rompê-las, ou como o resultado de um inexplicável fenômeno de estranhos resultados.

O segundo piso da galeria acolhe a escultura Condensação, composta por um bloco de onze colchões justapostos na posição vertical. O interior deste bloco foi escavado, e seu estofamento, retirado e agrupado na forma de uma nuvem que flutua dentro da cavidade. Além de aludir ao fenômeno físico da condensação do vapor d’água em nuvens de chuva, o título da obra se refere também ao termo usado por Sigmund Freud (A Interpretação dos Sonhos) para nomear um processo psíquico comum nas narrativas oníricas de seus pacientes – processo através do qual uma única imagem aparece carregada de uma pluralidade de significações simultâneas.


Oriundo da cidade de Ourinhos, interior de São Paulo, Henrique de Oliveira é pintor por formação, além de obras sobre tela, explora construções tridimensionais na forma de instalações temporárias e esculturas.

Foi vencedor da terceira edição do Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça. Integrou a 29ª Bienal de São Paulo (SP) em 2010, com uma escultura de dimensões arquitetônicas em cujo interior o público podia caminhar. Tem obras em coleções como Pinacoteca Municipal de São Paulo (SP) e Instituto Itaú Cultural. Em 2011, expôs no Smithsonian National Museum of African Art e no Boulder Museum of Contemporary Art (EUA). Em 2009, construiu uma grande pintura tridimensional na Rice Gallery, em Houston (EUA), e participou das Bienais de Monterrey (México), e do Mercosul em Porto Alegre (RS).


Evento
Realidade Líquida - individual de Henrique Oliveira

Quando
20 . jul – 18 . ago . 2012, seg – sex, 10h - 19h; sáb, 11h - 17h.

Onde
GALERIA MILLAN - Rua Fradique Coutinho, 1360 - São Paulo

Saiba +
Maiores informações - 11-3031 6007 / 11-6739 6789 - www.galeriamillan.com.br

_____________________________________________________________ Para divulgar um evento, espetáculo ou mostra neste blog, envie o press release para contato [@] mundodadinda.com.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sem baixaria, ok?
Fique à vontade para expressar sua opinião. ;o)
kss
Din